COMPARTILHAR

Principal reforço do time de basquete do São Paulo para a temporada 2019/2020, o norte-americano Shamell Stallworth defenderá o seu sétimo clube no Brasil. Em busca do inédito título do NBB, o ala de 38 anos mostrou motivação com o desafio na apresentação do elenco tricolor, na última sexta-feira.

“Estou aqui para fazer história, trabalhando para ser campeão do NBB, mas não é fácil. Em 2018, depois de dez anos jogando o NBB, foi a primeira vez que cheguei na final. Só mostra como é duro. Mas sou trabalhador, nada na minha vida foi fácil”, declarou o californiano.

“Quando você representa um clube como o São Paulo, você quer trazer alegria para ele, porque você faz parte da criação desse time. Quero deixar meu nome na história. Sendo campeão paulista ou brasileiro, você deixa sua marca no clube”, acrescentou.

Além de Shamell, o São Paulo contratou o ala Desmond Holloway, outro experiente norte-americano. A dupla se juntará a mais seis reforços: os armadores Cassiano e Georginho, os alas-pivô Jefferson e Renan Lenz, e os pivôs Douglas Kurtz e Mamedes. O trio formado pelos alas Jones e Danilo e o armador Igor, que disputou a Liga Ouro na última temporada, segue no elenco.

“Temos vários jogadores bons. A equipe está bem montada, mas temos espaço para mais jogadores. Nosso foco é ganhar. Um clube grande como o São Paulo é muito organizado, desde que cheguei aqui me trataram com carinho, não tem nada a reclamar deles”, avaliou.

Dirigido por Claudio Mortari, técnico campeão do Mundial Interclubes de 1979 pelo Sírio, o São Paulo estreia pelo Campeonato Paulista no próximo dia 31, às 20 horas (de Brasília), contra o Basquete Osasco, fora de casa. O NBB terá início em 12 de outubro, com duelo, horário e local a definir. A tabela completa e o regulamento serão publicados no começo de agosto.

José Victor Ligero

Facebook Comments