COMPARTILHAR

O Grande Prêmio de São Paulo de Fórmula 1 já é considerado um sucesso. De acordo com a organização do evento, o Autódromo de Interlagos recebeu mais de 200 mil pessoas ao longo do fim de semana, gerando um impacto bilionário na economia da capital paulista.

“O público presente foi incrível, casa cheia e com uma energia bacana. Vamos investir muito em entretenimento, este ano e em 2022, cada vez mais, porque a Fórmula 1 merece e São Paulo merece”, disse o CEO do GP de São Paulo de F1, Alan Adler.

Segundo projeções feitas pela organização, a Fórmula 1 teve um impacto para a cidade de São Paulo de aproximadamente R$ 1 bilhão, aquecendo o setor turístico, além de gerar direta ou indiretamente 8500 empregos temporários.

“São Paulo está dando um exemplo da sua capacidade de realizar grandes eventos internacionais. Tenho muito orgulho desse evento internacional de grande importância”, afirmou o prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes.

Neste ano, o Autódromo de Interlagos também contou com o maior esquema de segurança montado em toda a sua história. Cerca de cinco mil policiais foram deslocados para a região, na Zona Sul da capital, contando com todo o aparato necessário.

“A segurança foi objeto de um projeto especial. Nós temos cinco mil policiais em Interlagos, no entorno dele, sendo o maior esquema já montado na história do autódromo. Além dos policias, também temos cães, cavalarias, dois helicópteros e cinco drones. Foi estruturado todo um sistema de monitoramento por GPS para garantir a segurança das equipes, dos pilotos, dos profissionais, do público e do entorno da região”, concluiu o governador do estado, João Doria.