COMPARTILHAR

O acesso para o Grande Prêmio de Monaco da Fórmula 1, que tem a corrida marcada para o dia 26 de maio, pode estar ameaçado. Isso porque taxistas de Nice, na França, cogitam bloquear as entradas do Principado como forma de protesto.

Os motoristas reclamam da postura do governo local quanto ao uso de aplicativos para chamadas de transporte em carros particulares, como o Uber, por exemplo. O grupo, inclusive, protestou no aeroporto de Nice na chegada dos visitantes ao Festival de cinema de Cannes, local que fica a 33 quilômetros de Nice. O Principado de Mônaco fica ainda mais próximo ao local, a apenas 21 quilômetros.

“Se não obtivermos satisfação, estamos prontos para ir mais longe. Se não tivermos uma resposta até 22 de maio, é simples. O dia 23 é o começo do GP de Mônaco e vamos bloquear tudo”, explicou um taxista ao jornal Nice Matin.

Até o momento, nem as autoridades locais nem os organizadores e dirigentes da Fórmula 1 se manifestaram a respeito da possibilidade de manifestação e nem sobre o que pode ser feito sobre o assunto.

Facebook Comments