COMPARTILHAR

O Bahia conquistou importante resultado ao vencer por 2 a 1 o Botafogo, nesta quarta-feira, no Nilton Santos. Com o triunfo, os baianos chegaram a 12 pontos e vão dormir fora da zona de rebaixamento. Os alvinegros seguem na degola e agora estão na penúltima posição, com 11.

Em um primeiro tempo morno, o Bahia aproveitou a bola parada para marcar, com Gilberto. Na etapa final, os visitantes foram mais eficientes e marcaram o segundo, com Élber. O Botafogo ainda diminuiu com Pedro Raúl.

O Botafogo volta a campo neste domingo, contra o Fluminense, no Nilton Santos. No mesmo dia, o Bahia recebe o Sport, em Salvador.

O jogo – O Botafogo começou a partida tentando pressionar o Bahia, mas tinha dificuldade em criar bons lances. Os alvinegros só levaram perigo aos 11 minutos. Após cobrança de escanteio, Kanu cabeceou próximo do gol.

Aos poucos, o Bahia equilibrou as ações e quase abriu o placar aos 21 minutos. Após cobrança de falta na área, Ernando subiu sozinho e cabeceou para grande defesa de Diego Cavalieri.

A partir dai, o confronto ficou monótono, com as duas equipes em busca do ataque, mas sem qualquer criatividade. Quando parecia que o jogo permaneceria igual até o intervalo, o Bahia marcou no Nilton Santos, aos 42 minutos. Após falta cobrada na área, Gilberto subiu sem marcação para a rede.

No segundo tempo, o Botafogo novamente tentou pressionar, mas viu o Bahia quase ampliar aos sete minutos. Ramires foi lançado na área, mas chutou mal, pela linha de fundo. Os alvinegros só responderam quatro minutos depois. Após cobrança de falta na área, Rafael Forster cabeceou e obrigou Douglas a fazer grande defesa.

O Botafogo se animou com o lance perdido e aumentou a pressão. Aos 16 minutos, Matheus Babi foi lançado na área, mas finalizou pela linha de fundo.

Depois disso, o confronto melhorou e as duas equipes passaram a criar boas chances. Primeiro, Danielzinho chutou colocado e quase acertou o gol. A resposta do Botafogo veio em seguida. Rhuan cruzou rasteiro e Rentéria apareceu para finalizar para fora.

Na parte final, o Bahia aproveitou o nervosismo do Botafogo para decretar a vitória. Aos 39 minutos, Juninho Capixaba cruzou rasteiro para Élber mandar para a rede.

Antes do fim, o Botafogo ainda diminuiu com Pedro Raúl, mas o gol não foi suficiente para mudar o resultado no Nilton Santos.

FICHA TÉCNICA:

BOTAFOGO 1 X 2 BAHIA

Local: estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)

Data: 30 de setembro de 2020, quarta-feira

Hora: 21h30 (de Brasília)

Árbitro: Savio Pereira Sampaio (DF)

Assistentes: Daniel Henrique da Silva Andrade (DF) e Jose Reinaldo Nascimento Junior (DF)

VAR: Wagner Reway (PB)

Cartões amarelos: Victor Luís e Barrandeguy (Botafogo); Juninho Capixaba, Rossi e Marco Antonio (Bahia)

Cartão vermelho: Barrandeguy (Botafogo)

GOLS

BOTAFOGO: Pedro raul, aos 45min do segundo tempo

BAHIA: Gilberto, aos 42min do primeiro tempo; Élber, aos 39min do segundo tempo

BOTAFOGO: Gatito Fernández, Rafael Forster, Kanu e Sousa (Davi Araújo); Kevin (Barrandeguy), Caio Alexandre, Rentería (Warley), Bruno Nazário (Matheus Babi) e Victor Luís; Salomon Kalou (Rhuan) e Pedro Raúl

Técnico: Paulo Autuori

BAHIA: Douglas Friedrich, Nino Paraíba, Ernando, Lucas Fonseca e Juninho Capixaba; Elias (Danielzinho), Gregore, Ramires (Ronaldo) e Clayson (Élber); Marco Antônio (Rossi) e Gilberto (Saldanha)

Técnico: Mano Menezes

Gazeta Press

Facebook Comments