COMPARTILHAR

A arrastada negociação que deve culminar com a saída do atacante Dudu do Palmeiras rumo ao Catar ainda não foi concluída. O time alviverde e o Al Duhail passaram as últimas horas finalizando detalhes do contrato, o que impediu o esperado desfecho da transferência nesta terça-feira.

Os clubes já encaminharam um acordo para o empréstimo de um ano de Dudu, que deve ser selado na quarta. O time do Catar, assim, desembolsaria 7 milhões de euros pela cessão temporária, com opção de compra por mais 6 milhões de euros, além de bônus que podem chegar a 1 milhão de euros.

Nesta terça-feira, advogados que representam Palmeiras e Al Duhail trataram sobre aspectos do contrato envolvendo a transferência de Dudu. O fuso horário do Catar, que está seis horas à frente de Brasília, é um fator que dificulta os trâmites da negociação.

O Palmeiras divulgou fotos de Dudu durante o treinamento realizado pela manhã na Academia de Futebol. Também nesta terça-feira, o atacante chegou a realizar exames médicos ligados à transferência ao Al Duhail, o que evidencia um desfecho próximo.

Após recusar diferentes ofertas de clubes do exterior desde 2015, Dudu, acusado de agressão pela ex-esposa, já deixou claro para o Palmeiras o desejo de ser negociado. A vontade do atacante de 28 anos, por sinal, vem pesando de maneira decisiva na negociação com o Al Duhail.

No último domingo, por meio de nota postada em seu site oficial, o time do Catar anunciou a rescisão de contrato com o croata Mario Mandzukic, abrindo uma vaga de estrangeiro no elenco. Campeão da Copa do Brasil (2015) e do Campeonato Brasileiro (2016 e 2018), Dudu acumula 70 gols em 305 jogos pelo Palmeiras.

Bruno Ceccon

Facebook Comments