COMPARTILHAR

O Santos possui números preocupantes no Campeonato Brasileiro. A equipe de Fábio Carille precisa de muitas finalizações para marcar um gol, mas precisa de poucas para ver a meta de João Paulo ser vazada.

Segundo o Footstats, o Peixe precisa de 15 chutes em média para fazer um gol, segundo o segundo pior número da competição nacional. Por outro lado, a equipe da Vila precisa de apenas 8,5 finalizações para sofrer um tento, sendo a pior estatística do Brasileirão.

Os números refletem a dificuldade do Santos em converter suas chances e a passividade defensiva, que não impede que o adversário converta suas chances.