COMPARTILHAR

André Jardine convocou a Seleção Olímpica na última sexta-feira e muitos dos nomes foram cotados, inclusive, para a Seleção principal. Confirmado como técnico minutos antes da convocação, o gaúcho ex-treinador do São Paulo exaltou o trabalho que está sendo feito.

“Nosso papel é preparar os jogadores para a Seleção Brasileira principal. Trabalharem com a maior naturalidade possível defendendo o nosso país. O Brasil é o maior fornecedor de atletas para o futebol mundial. Vamos aumentar a nossa capacidade de observação. Teremos um período de preparação antes do Pré-Olímpico, estamos conversando com todos os envolvidos na preparação. Vamos encontrar o equilíbrio depois do fim da temporada no Brasil”, analisou.

Os amistosos serão contra Colômbia e Chile, nos dias 5 e 9 de setembro, respectivamente, no Pacaembu, em São Paulo, e visam a Olimpíada de 2020, em Tóquio, no Japão – a Seleção disputará o Pré-Olímpico na Colômbia entre janeiro e fevereiro de 2020. Acontecerão outros amistosos em outubro, ainda a serem divulgados, também em solo brasileiro. A preparação será finalizada em um torneio na Espanha.

Antes das palavras de Jardine, o coordenador da base Branco falou sobre esses fortes nomes convocados e afirmou, ainda, que o projeto olímpico terá prioridade até mesmo sobre a convocação da Seleção de Tite. Entre os convocados pelo técnico que possuem idade para atuar na olímpica (até 23 anos) foram Ivan, Éder Militão, Paquetá, Richarlison e Vinicius Junior.

Confira abaixo a lista completa dos jogadores convocados:

Goleiros: Cleiton (Atlético-MG-BRA), Daniel Fuzato (Roma-ITA) e Lucão (Vasco da Gama-BRA)

Defensores: Emerson (Bétis-ESP), Guilherme Arana (Sevilla-ESP), Guga (Atlético-MG-BRA), Ibañez (Atalanta-ITA), Luiz Felipe (Lazio-ITA), Lyanco (Torino-ITA), Renan Lodi (Atlético de Madrid-ESP) e Walce (São Paulo-BRA)

Meio-campistas: Allan (Fluminense-BRA), Douglas Luiz (Aston Villa-ING), Jean Lucas (Lyon-FRA), Mauro Junior (Heracles Almelo), Pedrinho (Corinthians-BRA), Wendel (Sporting-POR)

Atacantes: Antony (São Paulo-BRA), Arthur Cabral (Palmeiras-BRA), Artur (Bahia-BRA), Bruno Tababa (Portimonense-POR), Matheus Cunha (RB Leipzig-ALE), Paulinho (Bayer Leverkusen-ALE)

André Jardine é o técnico do sub-20 do Brasil desde abril de 2019, e comandou a equipe sub-22 no Torneio de Toulon, conquistado pelo Brasil em junho deste ano de forma invicta. O time campeão na França contava com grande parte desses nomes.

console.log(‘Aud01’);

Facebook Comments