COMPARTILHAR

O São Paulo permanecerá em Araraquara após o empate sem gols com o Palmeiras, neste domingo, na Arena Fonte Luminosa. Tendo pela frente a Ferroviária, na próxima quarta-feira, o clube optou por seguir na cidade do interior paulista por motivos de logística, aceitando treinar longe do CT da Barra Funda.

Havia a dúvida se o São Paulo retornaria à capital paulista muito por conta da estrutura que dispõe no CT da Barra Funda para a recuperação de seus atletas após os jogos. Mesmo cientes que irão contar com instalações mais modestas nestes próximos dias, jogadores e comissão técnica acabaram entrando em consenso sobre a estadia da delegação em Araraquara.

“Em comum acordo achamos melhor ficar, partiu até mais dos jogadores ficar, para eles descansarem e poder enfrentar a Ferroviária na quarta-feira. É um time que tem todo o nosso respeito e vamos fazer a melhor preparação possível”, afirmou Fernando Diniz.

Nesta segunda-feira, o elenco tricolor fará treinará no CT Pinheirinho, que pertence à Ferroviária. Apesar de o próximo rival ser o detentor das instalações, o São Paulo optou por usar a estrutura da Locomotiva, algo que não costuma acontecer entre times que estão prestes a se enfrentar.

Apesar de não ter vencido o Choque-Rei, o São Paulo se manteve na liderança do Grupo C, com quatro pontos, graças ao empate entre Corinthians e Mirassol. A Ferroviária, por sua vez, é a lanterna do Grupo D, com um ponto, depois de ter empatado na primeira rodada e perdido para o Santo André neste final de semana.

Facebook Comments