COMPARTILHAR

A volta do Campeonato Carioca acontece recheada de polêmicas. Botafogo e Fluminense, que ainda não voltaram aos treinos presenciais, afirmaram que vão entrar na Justiça para não entrarem em campo nas datas divulgadas pela Ferj.

No Botafogo, a situação ainda pode piorar. De acordo com a imprensa carioca, o presidente Nelson Mufarrej revelou que a comissão técnica alvinegra pode pedir demissão caso não tenha o período estipulado para treinos antes de entrar em campo pelo Estadual.

Membro do Comitê Gestor do clube, Carlos Augusto Montenegro confirmou que o elenco do Botafogo voltará a treinar no Nilton Santos no sábado, dia 20 de junho. O técnico Paulo Autuori espera trabalhar com os jogadores até o dia 30, quando concordaria em entrar em campo.

No entanto, a Ferj marcou os dois jogos restantes do Botafogo, válidos pela fase de classificação da Taça Rio para os dias 22 e 25 de junho. O mandatário alvinegro já adiantou que não vai mandar equipe para as partidas.

Com quatro pontos no grupo A, o Botafogo ocupa a quarta posição, mas ainda tem chance de classificação para as semifinais do segundo turno do Estadual. O certo é que o retorno do Campeonato Carioca ainda terá desdobramentos, possivelmente na Justiça.

Gazeta Press