COMPARTILHAR

O Museu do Futebol lançou nesta quinta-feira, pela plataforma Google Arts&Culture, uma homenagem virtual aos 50 anos da Copa de 1970, que trouxe o tricampeonato para o Brasil e sedimentou a imagem do futebol brasileiro para o Mundo.

Na mostra “Memórias da Copa de 1970: como o México abraçou o Brasil”, os internautas poderão conhecer a história da ligação imediata da torcida mexicana com a Seleção Brasileira, o que garantiu apoio massivo nas arquibancadas do Estádio Jalisco, em Guadalajara, em toda a campanha que levou o Brasil à final contra a Itália, na Cidade do México. Além disso, mostra a história de vários mexicanos que nasceram no começo dos anos 1970 e foram batizados com nomes dos craques brasileiros, como Edson, Carlos Alberto, Rivelino e Jairzinho.

Já na exposição “Rumo à Copa de 1970: de São Paulo ao México a bordo de um fusquinha”, o Museu do Futebol conta a viagem dos amigos paulistas Ivan Charoux e Fael Sawaya com um Fusca 1962 rumo ao pais sede do Mundial. No caminho, eles acabam cruzando com momentos marcantes da história da América Latina, como quando presenciaram um tiroteio na fronteira entre Honduras e El Salvador, ecos de um conflito ocorrido meses antes que ficou conhecido como “A Guerra do Futebol”, por exemplo.

A aventura da dupla, inclusive, virou o filme “Os Filhos da Pista”, em finalização, que levou os dois a refazer a viagem mais de 40 anos depois.

Facebook Comments