COMPARTILHAR

Titular sob o comando de Fábio Carille, demitido há pouco mais de uma semana, Ralf perdeu espaço no Corinthians desde que Dyego Coelho assumiu interinamente. Com a suspensão de Gabriel, porém, o volante deve ganhar uma vaga nos 11 iniciais neste domingo, contra o Internacional, em Itaquera.

Uma das explicações para a saída do camisa 15 dos titulares pode ser a priorização de Coelho pela qualidade de passe de seus volantes. O índice de aproveitamento de Gabriel neste fundamento é de 94,8% contra 92,2% de Ralf.

Além disso, na goleada por 4 a 1 sofrida contra o Flamengo, que culminou na demissão de Carille, o volante não fez um bom jogo. No segundo gol do Rubro-Negro, o volante tomou uma “meia-lua” de Gerson no início da jogada e foi criticado.

No primeiro jogo de Coelho na área técnica, na vitória contra o Fortaleza, Ralf ficou no banco de reservas enquanto Junior Urso e Gabriel formaram a dupla de volantes, que se repetiu no empate contra o Palmeiras, no ultimo domingo.

Com Gabriel suspenso, Ralf deve ganhar a sua primeira oportunidade sob comando do interino. No treino da última terça-feira, o primeiro na preparação para o duelo contra o Internacional, ele atuou entre os titulares e fez, inclusive, um trabalho específico de saída de bola junto aos defensores do Timão.

Em um primeiro momento, Ralf recuava entre Gil e Manoel para ajudar na troca de passes e iniciar as jogadas. Na sequência, Danilo Avelar fazia o trabalho de terceiro zagueiro e o volante se posicionava à frente da defesa.

Se a saída de bola não é de suas melhores qualidades, o experiente volante do Timão pode reforçar o poder de marcação da equipe, que sofreu três gols nos últimos dois jogos. Ralf é líder em desarmes do Alvinegro no Brasileirão, com 53 certos.



Facebook Comments