COMPARTILHAR

O Santos empatou em 1 a 1 com o Atlético-GO neste sábado, no Estádio Antônio Accioly, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. Os gols foram marcados por Jean e Marcos Leonardo, ambos de pênalti.

O lance que originou o gol do Dragão foi polêmico. Houve falta de Zé Roberto em Luan Peres na origem da jogada e o toque de Arthur Gomes em Dudu pode não ter sido o suficiente para a queda.

Na segunda etapa, o Peixe ficou com um a mais logo aos 17 minutos quando o meia Matheus Vargas foi expulso. E uma nova penalidade foi marcada aos 31, em toque com a mão de Éder. Marcos Leonardo discutiu com Soteldo, ficou com a bola e converteu.

O empate não aproxima o Alvinegro da vaga na próxima Libertadores da América. O Peixe é o 10º, com 47 pontos, enquanto o Dragão fica no 12º lugar, com 46.

O Santos voltará a campo para enfrentar o Coritiba, na Vila Belmiro, no próximo sábado. O Atlético-GO visitará o Athletico-PR no domingo. Ambos os jogos pela 36ª rodada do Brasileirão.

O JOGO

A partida foi muito fraca tecnicamente no primeiro tempo. E o gol só saiu aos 32 minutos porque a arbitragem marcou um pênalti. Arthur Gomes tocou em Dudu e a penalidade máxima foi convertida pelo goleiro Jean.

Os jogadores do Santos reclamaram demais da marcação, não apenas por Arthur não ter sido acintoso na marcação e também por uma possível falta na origem do lance.

Após o gol, o Peixe tentou criar, mas não conseguiu. Jean não foi exigido. Nenhuma finalização foi ao gol do Atlético-GO.

SEGUNDO TEMPO

Logo aos três minutos, o Santos assustou o Atlético-GO pela primeira vez. Felipe Jonatan cruzou, Jean Mota se antecipou ao goleiro Jean e cabeceou para fora. No minuto 9, Zé Roberto saiu a cara com João Paulo, mas chutou torto.

Aos 17 minutos, o Atlético-GO ficou com um a menos. Matheus Vargas entrou por cima em Luan Peres e foi expulso após o árbitro Marcelo de Lima Henrique rever a jogada e anular o cartão amarelo.

Com um a mais, o Santos se lançou ao ataque, terminou o jogo sem um volante e conseguiu empatar. Éder tocou com o braço na área quando o placar marcava 31 jogados. Marcos Leonardo insistiu com Soteldo para bater o pênalti e converteu. 1 a 1.

E o Peixe quase virou. No minuto 37, Soteldo cruzou e Láercio cabeceou no segundo pau para ótima defesa de Jean. Aos 42, Ângelo cruzou e Jean Mota, sozinho, finalizou por cima. No fim, 1 a 1 e empate amargo para o Santos.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO-GO 1 X 1 SANTOS

Local: Estádio Antônio Accioly, em Goiânia (GO)

Data: 06 de fevereiro de 2021, sábado

Horário: 21 horas (de Brasília)

Árbitro: Marcelo de Lima Henrique

Assistentes: Michael Correia e Luiz Claudio Regazone

VAR: Rodrigo Carvalhaes de Miranda

Cartões amarelos: Atlético-GO: João Victor. Santos: Alison e Felipe Jonatan

Cartão vermelho: Atlético-GO: Matheus Vargas

GOLS

Atlético-GO: Jean, aos 32 minutos do 1T.

Santos: Marcos Leonardo, aos 33 minutos do 2T.

ATLÉTICO-GO: Jean; Dudu, João Victor, Éder e Nicolas; Marlon Freitas (Oliveira), Willian Maranhão e Matheus Vargas; Wellington Rato (Danilo Gomes) (Gilvan), Janderson (Chico) e Zé Roberto (Vitor)

Técnico: Marcelo Cabo

SANTOS: João Paulo, Pará, Laércio, Luan Peres e Felipe Jonatan; Alison (Ivonei), Vinicius Balieiro (Marcos Leonardo), Lucas Braga (Ângelo) e Arthur Gomes (Jean Mota); Soteldo e Kaio Jorge (Bruno Marques)

Técnico: Cuca