COMPARTILHAR

O Santos terá um desfalque importante no duelo contra o The Strongest, nesta terça-feira, pela terceira rodada da fase de grupos da Libertadores. Precisando vencer para se recuperar na competição, o Peixe terá que superar a ausência do capitão Alison, suspenso. Sem o volante, no entanto, o Alvinegro venceu apenas um dos últimos 11 jogos.

Nas últimas 11 vezes em que disputou uma partida sem a presença de Alison, o Santos somou sete derrotas, três empates e apenas uma vitória, aproveitamento de 18,18%. Nas ocasiões, o clube da Vila Belmiro também sofreu 20 gols e marcou somente sete.

Na atual temporada, o camisa 5 ficou de fora de sete confrontos, todos pelo Campeonato Paulista. Sem seu capitão, o Peixe amargou três derrotas, três empates e um triunfo. Os outros quatro embates da sequência negativa em que o volante não participou foram realizados em 2021, mas eram válidos pelo Campeonato Brasileiro de 2020.

Sem Alison, a tendência é que o auxiliar técnico Marcelo Fernandes opte por recuar Vinícius Balieiro, enquanto Jean Mota entrará como segundo volante.

Com as derrotas para Barcelona de Guayaquil, em casa, e Boca Juniors, na Argentina, o Santos ainda não pontou no Grupo C da Libertadores. Tendo sofrido gol em todos os últimos oito jogos que disputou, o Alvinegro não vence há cinco partidas.

O duelo com o The Strongest será realizado às 19h15 (de Brasília) desta terça-feira, na Vila Belmiro. Assim como o Peixe, o time boliviano também não pontou na fase de grupos do torneio continental.