COMPARTILHAR
Caroline Wozniacki. (Reprodução/wtatennis.com)

Fevereiro não vem sendo um bom mês para Caroline Wozniacki. A tenista não pode jogar o Zonal Euro-Africano I da Fed Cup e viu a Dinamarca ser rebaixada no torneio e para completar, foi obrigada a desistir do WTA Premier de Doha, por conta de uma doença viral, segundo a própria atleta.

A desistência acontece pouco depois do convite que Wozniacki recebeu da Federação de Tênis do Quatar, para participar do torneio. Ela será substituída pela lucky-loser Samantha Stosur. A dinamarquesa, além de tudo, perderá 350 pontos no ranking WTA, já que foi semifinalista do torneio no ano passado. Isso vai ser suficiente para a queda de quatro posições no ranking, dando lugar à Serena Williams no top 10.

Wozniacki não foi a única a desistir em cima da hora. Caroline Garcia chegou em Doha na manhã desta terça e sentiu o quadril. Depois de disputar a Fed Cup pela França no final de semana, a tenista não teve tempo de descanso e preferiu se poupar. Em seu lugar, a também lucky-loser, Lara Arruabarrena, vai enfrentar a ucraniana Lesia Tsurenko na estreia.

Facebook Comments