COMPARTILHAR

O Brasil estreia na Copa Davis, a Copa do Mundo do Tênis, contra o Líbano neste sábado. O duelo é disputado em Jounieh, no país asiático. O confronto é em melhor de cinco partidas, avançando para os Qualifiers do torneio a equipe que somar três vitórias.

O Brasil é representado nesse confronto por Felipe Meligeni (194º na ATP), Orlando Luz (278º), Matheus Pucinelli (318º), Marcelo Demoliner (53º nas duplas) e Rafael Matos (73º nas duplas). O time libanês conta com Benjamin Hassan (410º na ATP), Hady Habib (754º), Hasan Ibrahim (2103º), Roey Tabet (sem ranking) e Michel Saade (sem ranking).

O primeiro confronto, às 6 horas (de Brasília), será entre o gaúcho Orlando e o libanês Benjamin. Na sequência, o paulista Felipe duela contra Hady. Os outros três jogos serão neste domingo, a partir das 4 horas (de Brasília). Marcelo e Rafael enfrentam Hady e Hassan. A quarta partida será entre Felipe e Benjamin. Se houver necessidade, o jogo de desempate é entre Orlando e Hady.

“Todo mundo fez a lição de casa, todos treinaram muito bem durante a semana”, destaca o capitão brasileiro, Jaime Oncins. “A equipe se adaptou bem ao calor, à quadra, ao piso. Todo mundo entendeu bem o que a gente precisava fazer”, completa o treinador.

Hady Habib/Hassam Ibrahim e Rafael Matos/Marcelo Demoliner.

Mais experiente do grupo brasileiro, o gaúcho Marcelo Demoliner, de 32 anos, fará a sua quarta partida em Copa Davis. Até o momento, o retrospecto é de 100%, com três vitórias. Para ele, o grupo está motivado e confiante para o duelo.

“Tivemos uma semana muito produtiva de treinos e os meninos estão muito fortes para estes confrontos. Eu e o Rafa também conseguimos fazer um bom treinamento de duplas e estamos prontos. Obviamente, teremos a torcida contra, mas estamos bem tranquilos para tentar buscar essa vitória”, declara.